sábado, 1 de outubro de 2011

As famílias que Deus nos dá.


Agradeço sempre a Deus pela família em que fui gerada, principalmente pela minha mãe e irmã...
Elas são Tudo na minha vida...
Confesso que grande parte da família eu não sou muito "chegada".
Minha mãe sempre tentou me dá do bom e do melhor, na medida das suas possibilidades e muitas vezes dava mais que podia. Eu estudei no melhor colégio da cidade, a mensalidade era um absurdo pra minha ela  que tinha três filhos na época, sendo um deficiente. Quando criança e adolescente eu sofri muito “preconceito” da minha família, diziam que o esforço da minha mãe seria em vão e que eu certamente não “prestaria” e outras coisas piores...
Lógico que isso não é da família toda, tenho tias e primos eu Amo muito como Tia Cota(que eu carinhosamente chamo de mãe), Tia “Boi”, Tia Laine...em fim, são muitos!

Porém Deus é tão bom que nos presenteia com “outras”  famílias ao longo de nossas vidas!
A Familia do Pastor Ricardo Sena por exemplo...  
Assim que vim vizitar a PIB Parnaíba, conheci a Jullyane, filha dele , amigona do coração até hoje! O Cavour maridão da Ju, veio depois mas hoje é o Best do meu marido!
E o que falar de Alba Sena, a mãezonha de todos daqui!
E o querido Mateus, que eu tenho como um irmão!
Eles me acolherem na cidade quando eu não conhecia ninguém.
 Sempre falo pro meu marido que quero um dia ter um família linda assim, que apóia, que dá bronca, que estimula, que aconselha, que sofre, que alegra o coração de quem tá perto!!

Jesus tem ganhado muitas almas com essa família que veio pra abalar as estruturas daqueles que viviam longe de Deus!

Nos momentos de aflição no meu casamento (um dia eu conto a historia mexicana) eles estiveram comigo...esse foi o momento mais Feliz e triste da minha vida, que até hoje guardo marcas e que sem a ajuda deles eu não teria condições de me casar!!

Ontem foi a colação de grau da Jully em rádio e TV... Lógico que fui prestigiar minha Best!
Fico sempre tão Feliz em saber que eu realmente tenho uma AMIGA assim...
A noite foi o - te - ma!

As Homenagens duraram mais que o previsto e quando chegamos ao coquetel eis que não tinha nada; nem mesa; nem comida e quando estávamos indo comer uma pizza lá vem um refri (opa), todo mundo morto de fome atacou e depois vieram salgados, muitos salgados, uma delicia... Nós fomos a sensação da festa... ficamos até o final...
Muitas fotos, muitos risos, dançamos ao som da banda municipal!!!

Sempre que as pessoas perguntas se nós somos crentes se “assustam” com o SIIIIIM bem grande!!! As pessoas ainda acham que servir a Jesus e buscar/ se libertar das coisas que não agradam a Deus é triste, requer uma postura sempre séria, mal humorada, mas tolo é quem pensa assim...
Não somos perfeitos, somente Jesus foi, mas mesmo quando erramos tentamos acertar ou consertar o erro, e sempre nós arrepender do que foi feito!
E somo muito Felizes, espalhamos bom humor ( não é sempre viu!!!), alegria e esperança de dias melhores.

Agradeço a Deus pelas famílias que me deu... 

Ps: No final da noite, quando estamos descendo pelo elevador o trambolho parou! Ficamos  presos e loucoooos..., mas foi só um susto!

Ps2: Quando estávamos indo embora o Pastor nos chama e pergunta quando daremos um netinho pra ele... Que fofoooo!!!




2 comentários:

Ju Silva disse...

Aninha, obrigada pelas palavras de carinho lá no meu bloguinho, vc é sempre uma fofa!

Flor, exclui da sua lista o blog gravida e gata pois ele está bloqueando sua pagina com msg de virus, a galera vai parar de visitar seu cantinho...

Super beijo

Mima disse...

Q maravilha q encontrou outras pessoas tão queridas q vc possa chamar de família!!

bjos,